Publicado em 07/05/2020 às 13h48

Saúde

Vereadores aprovam projeto de lei que altera carga horária para analistas de saúde

A carga horária dos profissionais de saúde efetivos nos cargos de analista, em Senador Canedo, foi reduzida para 30 horas....

A carga horária dos profissionais de saúde efetivos nos cargos de analista, em Senador Canedo, foi reduzida para 30 horas. O projeto de lei, que corrigia a carga horária, foi aprovado pelos vereadores na sessão legislativa desta quinta-feira, 7 de maio.

O presidente da Câmara de Vereadores, Dr. Reinaldo Alves, diz que a alteração, que antes era 40 horas e passou para 30 horas, vai beneficiar biomédicos, farmacêuticos, enfermeiros e psicólogos. De acordo com ele, este era um antigo anseio destas categorias, que, agora aprovado, além de valorizar os profissionais, vai impactar positivamente na qualidade dos serviços prestados. “Quando os profissionais são tratados de maneira justa, trabalham com mais qualidade e felicidade”.

O enfermeiro Pedro Palácios comenta que só Senador Canedo, até então, não estava alinhada com a carga compatível da categoria comparada aos outros municípios da região metropolitana. Segundo ele, a aprovação desta lei traz justiça aos profissionais da saúde. “Todos nós ficamos muito gratos com essa aprovação na Câmara”, afirma.

O presidente do Sindicanedo, João Batista, afirma que a participação das entidades deu forças para conquistar esse direito aos analistas da saúde. “O debate e as lutas geraram resultados positivos para todos nós”.